Conteúdo

CLS, FID e LCP: conheça mais sobre as três métricas da web

A web é uma rede de páginas interconectadas, onde cada uma contém um conjunto de elementos. Esses elementos são os responsáveis pelo conteúdo das páginas e pelo seu visual. A estrutura das páginas da web é dividida em três partes: o conteúdo, o design e a programação. Cada um desses elementos é importante para o funcionamento da página e para a experiência do usuário.

 

O conteúdo é a informação que será exibida na página. Ele deve ser relevante e atualizado para que o usuário encontre o que está procurando, como uma balança industrial digital, por exemplo. O design é responsável pelo aspecto visual da página, incluindo a disposição dos elementos e a escolha das cores. A programação define como os elementos da página se comportarão e interagirão com o usuário.

 

As três métricas da web são CLS, FID e LCP. Elas são utilizadas para medir a qualidade do conteúdo, do design e da programação de uma página. CLS, FID e LCP são siglas em inglês que significam: Cumulative Layout Shift, First Input Delay e Largest Contentful Paint. Neste artigo, vamos conhecer mais sobre essas três métricas e entender como elas afetam a experiência do usuário na web.

 

CLS (Cumulative Layout Shift)

CLS (Cumulative Layout Shift) é uma métrica de experiência do usuário que mede a instabilidade visual de um site. Isso significa que o CLS mede o quão os elementos em um site se movem em relação à sua posição original. Quanto maior o CLS, menor a experiência do usuário.

 

Existem várias maneiras de reduzir o CLS de um site. Uma das maneiras é garantir que os elementos essenciais da página sejam carregados primeiro. Isso pode ser feito através do uso de tags de script defer e async. Outra maneira é evitar mudanças bruscas na página, como anúncios de diversos tipos e áreas, como uma lavadora de piso, por exemplo, que aparecem repentinamente.

 

O Google anunciou recentemente que o CLS estará incluído como um dos fatores que afetam o ranking do search engine. Isto significa que, além de impactar negativamente a experiência do usuário, sites com alto CLS também terão um desempenho inferior no Google.

 

Por causa disso, é importante para qualquer site ter um baixo CLS. Felizmente, existem várias maneiras de diminuí-lo e garantir uma melhor experiência para os seus visitantes.

 

FID (First Input Delay)

O FID (First Input Delay) é uma métrica de usabilidade que mede o tempo entre quando um usuário interage com um site (por exemplo, clica em um link) e quando o navegador começa a processar a ação do usuário. A ideia por trás da métrica FID é que sites rápidos devem responder rapidamente às ações do usuário, enquanto sites lentos podem levar mais tempo para processar as ações do usuário, o que pode resultar em uma experiência ruim para o usuário.

 

A métrica FID é importante porque mede a experiência do usuário de forma objetiva. Em outras palavras, ela mede o tempo que um usuário realmente precisa esperar para que suas ações sejam processadas pelo navegador. Além disso, a métrica FID pode ser usada para comparar a velocidade de diferentes sites e ver qual site oferece uma melhor experiência para os seus usuários.

 

LCP (Largest Contentful Paint)

LCP é a sigla para Largest Contentful Paint. É uma métrica que mede o tempo gasto pelo navegador para renderizar o elemento DOM mais pesado na página. Essa métrica é importante porque quanto maior o tempo, maior a chance de o usuário abandonar a página antes que ela seja completamente carregada.

 

Por que as três métricas da web são importantes para a minha página?

As três métricas da web são importantes para uma página porque elas ajudam a medir o sucesso de um site. A taxa de rejeição, por exemplo, é uma métrica que mostra quantas pessoas abandonaram um site após visitar apenas uma página. Isso é importante porque dá uma ideia do quão atraente o site é e se as pessoas estão encontrando o que estão procurando, como se fosse uma porta de enrolar, por exemplo, quanto mais atraente, maior a chance de atrair visitantes.

 

O tempo médio na página também é importante, pois mostra se as pessoas estão engajadas com o conteúdo da página. Por fim, a taxa de conversão é importante para saber quantas pessoas estão realmente tomando a ação desejada, como fazer um cadastro ou comprar um produto.

 

Como posso melhorar as três métricas da web para o meu site?

As três métricas principais da web são o tempo de carregamento da página, a taxa de conversão e o número de visitantes únicos. Para melhorar essas métricas, é importante entender como elas estão interligadas e quais fatores afetam cada uma delas. O tempo de carregamento da página é um dos principais fatores que afetam a taxa de conversão.

 

Imagine uma central de alarme de incêndio, quanto melhor e mais rápido ela acionar, melhor para ajudar a emergência, o mesmo serve para o tempo de carregamento, quanto mais rápido o site carregar, maior a chance de um visitante realizar uma ação desejada, seja uma compra, um cadastro ou o download de um arquivo. Portanto, é importante investir em um bom servidor e em uma boa hospedagem, além de otimizar as imagens do site para que elas carreguem mais rapidamente. A taxa de conversão está diretamente ligada ao número de visitantes únicos do site.

 

Quanto maior for o número de visitantes únicos, maior a chance de alguns desses visitantes realizarem uma ação desejada no site. Portanto, é importante investir em estratégias para atrair mais tráfego para o seu site, como SEO e marketing digital.

 

Gostou do texto de hoje? O Soluções Industriais está sempre trabalhando para trazer os melhores conteúdos para seus leitores, e esperamos que você continue acompanhando o nosso blog. Compartilhe nas suas redes sociais. Até a próxima!

 

Este artigo foi produzido pela equipe do Soluções Industriais

Precisa de um site para alavancar o seu negócio?

Obrigado por assinar nosso informativo

Seu site está perdendo clientes?

Receba dicas e artigos para melhorar o desempenho do seu site.

Seu site está perdendo clientes?

Receba dicas e artigos para melhorar o desempenho do seu site.